14
Dez 06
publicado por brmf, às 17:50link do post | comentar

O Natal é uma época festiva e existe algo a festejar por esta altura: o facto de os mais desfavorecidos o serem menos um bocadinho por esta altura, pese embora uma certa hipocrisia associada a essa menor desigualdade. As pessoas aparentam uma maior solidariedade por esta altura e a verdade é que o que interessa são os resultados e não tanto as motivações dessa maior solidariedade.

O Natal é talvez a maior invenção capitalista conhecida, mas isso não me incomoda, antes, alegra-me. Há menos desemprego, menos fome, menos tudo de mau pela fúria consumista desta altura. Isso é mau? Para mim é bom. Haverá sempre quem rogue pragas a esta fúria consumista (fúria esta em que eu não me meto), apregoando em voz alta os malefícios do consumismo e, claro, do capitalismo. Mas não se lembram que se há menor injustiça social nesta altura, isso deve-se, em primeira linha, a esse capitalismo.

O capitalismo faz mais pelos pobres e desfavorecidos do que qualquer campanha socialista, ainda que nem sempre pelos bons motivos - o altruísmo é uma obrigação? Perguntem a um sem-abrigo se prefere ter a barriga cheia ou os ouvidos de boas palavras.

Viva o capitalismo.


o docontra e eu
Sempre a par
pesquisar neste blog
 
Dezembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
15
16

17
18
19
20
21
23

24
25
27
28
29
30

31


comentários recentes
<br />O grupo Maria Isco fornece ajuda para ...
Meus amigos lá é uma nova maneira de se tornar mui...
Nós somos um fornecedor de empréstimos de dinheiro...
Twitter
links
Twingly BlogRank